BLOG

Voltar

Reforma da casa: por que impermeabilizar pisos e paredes?

A infiltração está entre um dos maiores problemas que ocorrem nas edificações, pois muitos projetos são realizados sem considerar a importância de impermeabilizar os materiais utilizados no momento da construção, necessitando então de reformas ou pequenos reparos no futuro para evitar ou para solucionar esse problema.  

A maioria dos materiais utilizados na construção civil apresentam porosidade, ou seja, espaços por onde a água se infiltra, causando visualmente mofo, manchas e bolhas, além do risco de danos estruturais que podem comprometer a vida dos ocupantes da edificação.  

Para evitar esse tipo de transtorno, é necessário impermeabilizar os materiais utilizados. Portanto, vamos revelar a você os benefícios de impermeabilizar pisos, paredes externas e internas. Vamos lá?

Preciso impermeabilizar pisos de pedra?

Esse material possui porosidade elevada e, quando a técnica de impermeabilizar pisos é aplicada, a superfície se torna protegida contra a penetração de todos os líquidos e previne danos identificados visualmente. Essa técnica também fornece durabilidade e fácil conservação do material, reduzindo os gastos e gerando economia.  

Cada material necessita de um tipo específico de impermeabilizante que deve ser escolhido com bastante cuidado, pois existem produtos que são próprios para superfícies planas, irregulares e que podem alterar ou não a cor da pedra.

Por que impermeabilizar pisos de madeira?  

Pisos de madeira possuem grande vantagem por apresentarem características que possibilitam a trabalhabilidade e o rejuvenescimento por diversas vezes. Ao impermeabilizar pisos de madeira, evita-se a infiltração de líquidos que podem ocasionar manchas e empenamentos que deixam a superfície completamente irregular e propícia para acidentes.  

A impermeabilização desse material consiste em raspar os pisos e calafetar os vãos. Posteriormente, deve-se aplicar a resina três vezes em um intervalo de 8 horas e realizar o lixamento após cada aplicação.

Paredes externas devem ser impermeabilizadas?  

Paredes externas podem e devem ser impermeabilizadas, garantindo proteção contra batidas de chuvas, fissuras, exposição da armadura e corrosão das cordoalhas. Essa técnica também confere ao local durabilidade, ausência de manchas, mofos e desintegração da pintura.  

O produto a ser aplicado nessa área é semelhante a uma tinta e pode ser aplicado por você mesmo na parte externa da edificação — basta adquirir as ferramentas necessárias e seguir as instruções de demão e tempo de cura do produto utilizado.  

É necessário impermeabilizar as paredes internas? 

Em muitas edificações, as paredes internas sofrem com a umidade proveniente do contato direto com o solo. No entanto, existem produtos que, além de servirem como revestimento no momento de assentamento dos pisos, também podem impermeabilizar pisos em sua parte inferior e impermeabilizar a própria parede interna.

Para a aplicação desse impermeabilizante, a parede deve estar limpa e umedecida, assim a demão pode ser aplicada e o tempo de cura deve ser respeitado. Posteriormente, a parede estará pronta para receber a pintura final. 

As construções estão sujeitas a ações de infiltrações que são potencializadas pelo clima e pela exposição constante do material, portanto, impermeabilizar pisos e paredes é uma alternativa para evitar possíveis problemas estruturais, arquitetônicos e na decoração.

Com essa técnica, muitas áreas da edificação se tornam protegidas e é possível evitar gastos elevados para solucionar problemas maiores. Ela vem se expandindo por seus diversos benefícios fornecidos à edificação e por apresentar fatores economicamente consideráveis. 

Pronto! Compreendeu a importância de impermeabilizar pisos e paredes? Continue acompanhando nossas dicas através do facebook Bonasoldi.